ENTRE EM CONTATO

 


Petrópolis, RJ
BRAZIL

Site oficial do Miss Brasil Mundo e Mister Brasil CNB. O Concurso Nacional de Beleza é o evento responsável pela eleição da Miss Brasil Mundo e do Mister Brasil CNB. A vencedora representa o país no Miss World, um dos dois principais concursos de beleza do planeta. O Mister Brasil CNB participa em um dos cinco concursos que fazem parte do Grand Slam (Mr World, Mister Supranational, Mister International Mister Global ou Manhunt International) - todos licenciados do CNB no Brasil. 

tumblr_nxvfwvvRaX1rpqdi8o1_1280 - Edited.jpg

Notícias

Notícias sempre atualizadas do Concurso Nacional de Beleza!

 

Filtering by Category: Miss Grand Brasil

Miss Grand Minas Gerais 2019

Henrique Fontes

site Lorena6.jpg

No dia 14 de novembro o estado de Minas Gerais conheceu a sua representante ao Miss Grand Brasil 2019: Lorena Rodrigues, 23 anos, 1.75 m de altura, foi coroada Miss Grand Minas Gerais 2019 no Salão de Eventos do Decor-Fest, no município de Patos de Minas.

Lorena é natural de Juíz de Fora, onde reside com a família. Estuda jornalismo e arte e design. Participou do Concurso Nacional de Beleza 2017 e foi uma das 10 semifinalistas, além de ter conquistado o terceiro lugar na prova de talento com um excelente número de stand up comedy.

A ótima classificação no CNB, lhe rendeu um convite para representar o país no Miss Global Beauty 2017, na Coréia do Sul. Foi a terceira colocada.

site Lorena7.jpg

Mais madura e experiente, Lorena promete ir com tudo para este novo desafio:

“Mal posso acreditar que tenho, uma vez mais, a oportunidade de representar o meu estado em um concurso de beleza nacional de grande expressão”, comentou a também modelo mineira. E complementou: “Ainda mais em um concurso que me dá a oportunidade de ser porta voz da paz, que é o Miss Grand”.

Ela estará no Dall´Onder Grande Hotel, em Bento Gonçalves (RS), entre os dias 24/2 e 1/3. A Miss Grand Brasil 2019 será eleita no dia 28 de fevereiro, com transmissão ao vivo para todo o planeta na página de Facebook do concurso internacional.

Clara Sosa, Miss Grand International 2018, e Nawat Itsaragrisil, presidente da Miss Grand Organization, estarão presentes no evento.

Galeria de fotos da Miss Grand Minas Gerais:

Bem-vinda, Miss Grand Minas Gerais!

Coordenação estadual: Braz Alves

Dall´Onder Grande Hotel de Bento Gonçalves sediará o Miss Grand Brasil 2019

Henrique Fontes

site_dallonder.jpg

O Dall´Onder Grande Hotel de Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul, será palco da eleição da Miss Grand Brasil 2019. Esta será a primeira vez que o CNB realizará um concurso próprio para eleger a representante brasileira ao Miss Grand International, concurso de beleza criado em 2013 que cresce em interesse no mundo todo a cada ano. A fan page do concurso internacional no Facebook, por exemplo, já tem mais de 3 milhões de seguidores!

O Miss Grand Brasil 2019 acontecerá entre os dias 25 e 28 de fevereiro, com uma agenda cheia para as candidatas e para aqueles que decidirem seguir tudo de perto. Haverá um dia de lazer, quando as 27 representantes das unidades da federação conhecerão importantes pontos turísticos da região, por sinal, localizada na Serra Gaúcha e considerada uma das mais belas do país.

O concurso acontecerá justo na época da vindima, que é a colheita das uvas utilizadas na fabricação de vinhos, espumantes e sucos premiados internacionalmente. É quando a região de Bento Gonçalves torna-se ainda mais bonita e cheia de vida!

O concurso acontecerá justo na época da vindima, que é a colheita das uvas utilizadas na fabricação de vinhos, espumantes e sucos premiados internacionalmente. É quando a região de Bento Gonçalves torna-se ainda mais bonita e cheia de vida!

As candidatas também desfilarão em etapas preliminares de trajes de banho e noite. A grande final acontecerá no salão principal de eventos do hotel, no dia 28 de fevereiro. Aqueles que não estiverem hospedados, poderão comprar ingressos para assistir ao espetáculo, que também será transmitido ao vivo pela internet.

O nome de Sancler Frantz, modelo, apresentadora de tv, influenciadora digital e finalista do Miss Mundo 2013, já foi confirmado para comandar a apresentação do evento final. Outras atrações e detalhes serão anunciados nas próximas semanas.

site sancler.jpg

Os organizadores do concurso garantem que o Miss Grand Brasil seguirá os moldes do concurso internacional, incluindo o “discurso da paz”, realizado pelas 10 semifinalistas. Na final, das 27 candidatas, 15 passarão à fase seguinte. Logo em seguida serão escolhidas 10 e por fim, 5 finalistas. Dessas 5, o corpo de jurados escolherá a Miss Grand Brasil 2019.

Miss Grand Brasil 2018 Gabrielle Vilela desfilando como semifinalista no Miss Grand International, realizado em Mianmar.

Miss Grand Brasil 2018 Gabrielle Vilela desfilando como semifinalista no Miss Grand International, realizado em Mianmar.

Ela receberá a coroa oficial do concurso, assinada por Tiago Seixas, das mãos da Miss Grand Brasil 2018 Gabrielle Vilela, e concorrerá ao título de Miss Grand International, no mês de outubro, em local a ser divulgado.

O Dall´Onder Grande Hotel oferece valores de diárias muito especiais para coordenadores, familiares, amigos e público em geral, que queiram acompanhar tudo de perto. Confira e faça a sua reserva:

especiais.jpg

Siga-nos também no IG e no Facebook e fique por dentro de tudo o que rola no Miss Grand Brasil: @missgrandbrasil / facebook.com/missgrandbrasil/ .

Miss Grand Brasil 2019: coroa oficial será assinada por Tiago Seixas

Henrique Fontes

site coroa.jpg

Em 2019 a Miss Grand Brasil será eleita em concurso nacional realizado no Dall’Onder Grande Hotel, em Bento Gonçalves (RS), no dia 28 de fevereiro. A vencedora será a primeira a ser coroada com a coroa oficial do concurso, assinada pelo talentoso Tiago Seixas, da Luxo Primitivo Joias, quem também criou a espetacular coroa da Miss Brasil Mundo.

Peça original e de rara beleza, a coroa da Miss Grand Brasil será banhada em ouro e Inspirada nos arranjos do Brasil imperial, com ramos de café e ornamentação rococó barroco. As pedras de tonalidade verde, representam a esperança, enquanto as pedras vermelhas são o fruto do café, produto nacional reconhecido em todo o mundo.

As pérolas brancas representam a paz e o brasão do Brasil imperial, remete à realeza.

Na parte central e logo acima, encontra-se a silhueta da logomarca do Miss Grande internacional.

O artista Tiago Seixas em seu processo de criação da coroa oficial do concurso Miss Grand Brasil.

O artista Tiago Seixas em seu processo de criação da coroa oficial do concurso Miss Grand Brasil.

A coroa, de valor inestimável, será um dos prêmios da ganhadora, quem nos representará no Miss Grand International 2019.

A Miss Grand Brasil 2019 será eleita no dia 28 de fevereiro.

Miss Grand Espírito Santo 2019

Henrique Fontes

site ES1.jpg

Amanda Cardoso, modelo profissional de 21 anos de idade e 1.70 m de altura, é a escolhida do coordenador Alexandre Araujo para carregar a faixa de Miss Grand Espírito Santo 2019.

A bela loira que tem no currículo uma ótima classificação em um concurso internacional, participará da eleição da Miss Grand Brasil 2019, no dia 28 de fevereiro, no Dall’Onder Grand Hotel, em Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul.

A ganhadora da etapa nacional será a representante do Brasil no Miss Grand International 2019, em outubro próximo, em país sede a ser divulgado.

“Amanda tem todo o perfil do Miss Grand: é inteligente, tem medidas perfeitas e muita atitude. Estamos muito confiantes e já no processo de preparação”, afirmou o coordenador capixaba.

Bem-vinda, Miss Grand Espírito Santo!

Coordenação estadual: Alexandre Araújo

Miss Grand Alagoas 2019

Henrique Fontes

site AL4.jpg

Foi no Teatro Deodoro, em Maceió, que diante de mais de 800 pessoas foi coroada a primeira Miss Grand Alagoas. Rebeca Borges, 25 anos de idade, 1.70 m de altura, foi a escolhida do coordenador Gilberto Lyra.

A Miss Grand Alagoas 2019 é modelo, tem bom domínio do idioma inglês e é natural do município de Rio Largo.

site AL1.jpg

“Além de ser muito bonita, Rebeca esbanja carisma e energia, características importantes para este concurso”, explicou Lyra.

Alagoas torna-se assim o primeiro estado a oficializar a sua representante no Miss Grand Brasil 2019, concurso que acontecerá entre os dias 25 e 28 de fevereiro em Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul. O Dall´Onder Grande Hotel sediará o grandioso evento.

A vencedora sucederá Gabrielle Vilela, atual Miss Grand Brasil, e representará o país no Miss Grand International 2019, no próximo mês de outubro.

Bem-vinda, Miss Grand Alagoas!

Coordenação estadual: Gilberto Lyra

Miss Grand Int´l 18: Paraguai vence com reação histórica

Henrique Fontes

Grand1.jpg

Principalmente para quem esteva no The ONE Entertainment Park, em Rangum, Mianmar, a cena foi chocante: quando Clara Sosa, apresentadora de tv, chef de cozinha e estudante de direito paraguaia, foi anunciada como a vencedora do concurso Miss Grand International, a emoção da moça foi tanta que ela desmaiou! Se não fosse a ajuda da segunda colocada, a indiana, Meenakshi Chaudhary, o impacto da queda poderia ter sido maior. Menos mal que tudo acabou bem: dois minutos depois ela se levantou e pode receber a coroa das mãos da peruana Maria Jose Lora, a vencedora de 2017.

Miss Índia tenta acudir a nova Miss Grand International: ela não aguentou a emoção e desmaiou!

Miss Índia tenta acudir a nova Miss Grand International: ela não aguentou a emoção e desmaiou!

Além de Paraguai e Índia, completaram o “top 5” do certame as Misses Indonésia, Nadia Purwoko (terceira colocada), Porto Rico (quarto lugar), Nicole Colón, e Japão, Haruka Oda (quinta classificada).

A brasileira Gabrielle Vilela foi uma das 20 semifinalistas, tendo realizado um belíssimo desfile com o traje de banho da nova coleção MGI, e fechando assim sua bela caminhada neste concurso.

“Me sinto realizada, pude fazer no Miss Grand International o que acabei não tendo a oportunidade de fazer no Miss Mundo: além de classificar, desfilar e me divertir, estou muito feliz”, comentou Vilela após a conclusão do evento.

“Tenha dó, seu juíz!”. Assim como aconteceu com a mítica baiana Martha Rocha, quem perdeu o título de Miss Universo em 1954 por duas polegadas a mais no quadril, Gabrielle Vilela teria parado no “Top 20” do MGI 2018 pelo mesmo motivo. De qualquer forma, a brasileira fez bonito e encantou a todos!

“Tenha dó, seu juíz!”. Assim como aconteceu com a mítica baiana Martha Rocha, quem perdeu o título de Miss Universo em 1954 por duas polegadas a mais no quadril, Gabrielle Vilela teria parado no “Top 20” do MGI 2018 pelo mesmo motivo. De qualquer forma, a brasileira fez bonito e encantou a todos!

Os organizadores do concurso foram só elogios à nossa representante: “Miss Brasil tem um dos rostos mais lindos do evento e é uma pessoa muito boa e inteligente. Se tivesse 1 ou 2 polegadas a menos no quadril, poderia ter chegado mais longe”, comentou o sr. Nawat Itsaragrisil, presidente e idealizador do Miss Grand International.

Em entrevista ao site Global Beauties, dias antes da final do concurso, Nawat foi enfático ao dizer: “Nos nossos critérios, um corpo perfeito é primordial. Depois vem a personalidade e, por fim, a beleza facial. Além disso tudo, a candidata deve demonstrar vontade de trabalhar junto à nossa organização”.

Em 2019 será realizado um concurso nacional específico para o Miss Grand International, com representantes das 27 unidades da federação competindo pelo título de Miss Grand Brasil 2019. O evento acontecerá no dia 28 de fevereiro, no Grande Hotel Dall´Onder, em Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul.

Parabéns ao Paraguai e à nova Miss Grand International!

Miss Grand´18: Gabrielle Vilela chega em Mianmar após 32 horas de viagem

Henrique Fontes

Gabi1.jpg

Aterrisou no Aeroporto Internacional de Rangum, na tarde de 6 de outubro, em vôo da Bangkok Airways, a Miss Grand Brasil 2018 Gabrielle Vilela. Acompanhada do diretor do CNB e correspondente do site Global Beauties Henrique Fontes, a Miss Brasil literalmente atravessou o planeta em intermináveis horas de vôos, saindo do Rio de Janeiro no dia 4, passando por Londres e Bangkok, e chegando ao seu destino final no dia 6, um sábado de calor e chuva na capital cultural de Mianmar.

Apesar do cansaço, Vilela demonstrou muito entusiasmo ao ser recebida por dezenas de pessoas no aeroporto. Sua beleza e carisma chamaram a atenção de todos de imediato, e a nossa miss não negou foto a ninguém. Chegou a se formar uma fila para a tietagem!

Gabi2.jpg

No mesmo vôo da nossa representante, chegou também a Miss Grand Guadalupe, quem ao abraçar a brasileira, exclamou: “Como você é linda!”. Gabrielle devolveu o elogio e elas seguiram juntas para o espetacular 5 estrelas Chatrium Hotel Royal Lake Yangon. As duas belas foram tagarelando durante o percurso até o hotel, conversando sobre a viagem e as expectativas para este grande evento.

Gabi3.jpg

No Chatrium, foram recebidas com lindas flores e um delicioso suco feito com um mix de frutas locais. Ali elas souberam que seriam companheiras de quarto e foram avisadas de que teriam que se trocar rapidamente para fotos oficiais.

No Miss Grand International a agenda de atividades é intensa, não deixando lugar para o cansaço!

Gabi4.jpg

Gabrielle foi então levada a um ponto turístico da bela cidade, onde foi clicada pelo fotógrafo oficial do concurso. A imagem aqui disponível é de bastidores, aguardamos ainda o resultado deste ensaio.

De volta ao hotel, chegou o momento de receber a faixa oficial do concurso e conhecer as demais concorrentes ao título. Vindas dos 5 continentes, todas as 70 beldades (9 ainda devem chegar) tiveram a oportunidade de falar ao microfone.

A Miss Ilhas Cook, uma elegante e alta loira vinda do Pacífico Sul, comentou que é atleta da vela e participou dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

A Miss Cuba, nascida em Havana e hoje residente em Miami, foi das mais entusiasmadas: ela é apresentadora de um programa de rádio na cidade americana.

A Miss Portugal, Priscila Alves, falou com a mesma serenidade e elegância que presenciamos quando concorreu e classificou-se entre as 10 mais belas no Miss Supranational 2016, na Polônia. Contou que viaja pelo mundo como integrante de um circo.

Gabi6.jpg

Algumas candidatas cantaram, entre elas China, Canadá e Hong Kong. Já a representante do Perú arriscou alguns passos de dança ao som de uma canção chamada “Anaconda”. Ela é natural de uma região amazônica do país vizinho.

Quando chegou a vez da nossa brasileirinha, Gabrielle não perdeu a oportunidade de falar sobre as belezas de Angra dos Reis e suas 365 ilhas. Ela terminou seu discurso convidando a todas as candidatas a visitá-la no Brasil.

Gabi5.jpg

O presidente do concurso, senhor Nawat Itsaragrisil, deu as boas-vindas e falou um pouco sobre o que espera de uma vencedora: “Não importa se ela é alta ou baixa, ou que tipo de beleza ela tenha. Nem sempre ganha a mais beleza fisicamente, mas sim aquela que tem a melhor combinação entre beleza e personalidade”, ele explicou.

“Tenham a certeza de que vocês estão sendo constantemente observadas e recebendo notas do nosso staff. Ganhar o Miss Grand não depende apenas de um desfile impressionante, é um conjunto”, concluiu.

A vice-presidente do concurso, a sra. Teresa Chaivisut , quem acaba se tornando uma “mãe adotiva” para a ganhadora durante o seu ano de reinado, falou sobre a dinâmica do concurso e as atividades que acontecerão nos próximos dias.

As candidatas receberam suas faixas das mãos de Maria Jose Lora, peruana eleita Miss Grand International em 2017, ainda mais bonita após um ano de reinado e de viagens pelo mundo.

VEJA GALERIA DE FOTOS DESTE EVENTO (GLOBAL BEAUTIES)

Neste domingo as candidatas conhecerão pontos turísticos de Rangum.

Começou o Miss Grand International 2018!

Fotos: Henrique Fontes e MGI

Gabrielle Vilela parte para Mianmar em busca do título Miss Grand International 2018

Henrique Fontes

gabi1.jpg

Após ter sido eleita Miss Brasil Mundo 2017 e ter sido escolhida pelo júri do Miss Mundo para integrar o Top 40 da edição do ano passado daquele concurso, a fluminense natural de Angra dos Reis Gabrielle Vilela encara mais um desafio internacional: representar o país no Miss Grand International 2018. Muito focada, com grande experiência acumulada em concursos de beleza, e após intensa preparação com a Livi Treinamento, ela decola hoje para Mianmar na esperança de conquistar para o país este título que faz parte do Grand Slam e que premia a vencedora com US$ 40.000 (40 mil dólares, cerca de R$ 160.000). Veja o que ela tem a nos dizer sobre esta nova aventura.

CNB: O que você aprendeu com a sua participação no Miss Mundo, que acha poderá ser útil ao competir no Miss Grand International?

Gabrielle: Participar de um concurso com a magnitude do Miss Mundo me ensinou muitas coisas que levo não apenas para o MGI, mas também para a minha vida. A importância da disciplina; de manter um sorriso no rosto mesmo quando exausta, porque sim, depois de algum tempo, chega a exaustão física e mental; estar pronta para mudanças repentinas de horários, atividades, vestuário, sem perder o bom humor. Aprendi a dançar para o segmento “Dances of the World” do Miss Mundo, e sei que em um concurso como o MGI, cheio de coreografias, isso será muito útil. Enfim, imagino encontrar situações semelhantes pela frente e agora me sinto mais preparada para lidar com elas.

gabi2.jpg

CNB: Qual a sua maior expectativa sobre o Miss Grand International?

Gabrielle: É um sonho poder participar em um concurso tão dinâmico e que em pouco tempo já causa tanto interesse entre os fãs de concursos de beleza. Eu amo este “mundo miss” e é sempre maravilhoso conhecer gente de todo mundo, pisar em uma passarela com a torcida e energia boa de tantas pessoas, mas confesso que estou indo para este concurso com sangue nos olhos. Só levo boas lembranças do Miss Mundo, mas em termos de resultado, eu esperava ter chegado mais longe e muita gente acreditava em mim e no meu potencial. Vou dar o meu melhor em cada momento para brigar pelo título.

CNB: Pode nos dizer algo sobre o seu vestido de gala e o seu traje típico?

Gabrielle: Posso dizer que o Flávio Soares, que é um amor de pessoa e um super profissional, criou trajes levando em conta o perfil do concurso. São muito bem elaborados e trabalhados em ricos detalhes, eu amei! Vocês terão que esperar para conferir, não quero estragar a surpresa!

gabi4.jpg

CNB: O MGI tem como lema promover a paz e o bom entendimento entre as nações. Qual é a sua melhor definição de paz?

Gabrielle: Para mim, paz deveria ser sinônimo de tolerância e respeito às diferenças. Quando existem o respeito e a tolerância, quando não insistimos em impor nossas verdades, e isso vale para pessoas e para nações, respeitando o limite do outro, passa a imperar a paz. Paz é plenitude, talvez o que toda pessoa de bom coração e de bom senso anseie em conquistar.

CNB: Em que prova acha que irá se destacar mais?

Gabrielle: Eu estou pronta para arrasar em todas elas (risos)! Mas é claro, espero ter maior destaque na hora de falar. Ao meu ver, uma boa entrevista, ou um bom discurso, diz muito mais sobre a beleza de uma mulher, do que um desfile. Quero mostrar que a mulher brasileira é inteligente, tem opiniões fortes e tem paixão e respeita a diversidade que impera neste planeta. Além disso, é na entrevista do Top 5 que tudo será definido, então, estrategicamente falando, este é o momento em que eu quero mais me sair bem.

CNB: Já viu as candidatas? Tem algumas favoritas?

Gabrielle: Vi algumas candidatas, é um grupo bonito. É difícil julgar por fotos e vídeos, mas vejo as Misses Índia, Venezuela, República Dominicana, México, Tailândia, Colômbia e Austrália, como mulheres muito lindas e fortíssimas candidatas. Estou louca para conhecer todas as candidatas!

gabi3.jpg

CNB: Como você vem se preparando para este desafio?

Gabrielle: Estudei muito o concurso, até porque ele é bastante diferente do perfil do Miss Mundo. Com muita alegria, eu voltei a Taquari, no Rio Grande do Sul, e tive um super treinamento intensivo com a equipe maravilhosa da Livi Treinamento. Eles são demais! O Dr. Manuel Barrios fez com que o meu sorriso ficasse ainda mais bonito, o que aumentou a minha autoestima. Conversei muito com o Henrique Fontes sobre o MGI e o que se espera de uma candidata, estudei o desempenho de vencedoras anteriores. Também conversei muito e recebi dicas preciosas da Caroline Venturini, minha amiga e antecessora. Ela me ajudou demais! Contei com a ajuda da minha família e de muita gente em Angra e no Rio. Levo tudo o que aprendi na China com Alexander Gonzales e equipe, da minha preparação para o Miss Mundo 2017. Aproveito para expressar a minha gratidão eterna a todas essas pessoas. Me sinto preparada e bem amparada.

CNB: Com o apelido de “Miss Magali”, o que acontece se a comida for boa em Mianmar?

Gabrielle: (Risos!) Então, a minha genética e o meu metabolismo me permitem comer bem. Vou adorar se a comida for boa! Assim estarei sempre de bom humor, sem perder a boa forma!

Gabrielle embarca para Rangum, a maior cidade e principal centro cultural de Mianmar, pela British Airways, com escalas em Londres e Bangkok, às 21:30 de hoje (quinta-feira, dia 4 de outubro). Chegara em Mianmar na tarde de sábado, 6 de outubro. A final acontecerá no dia 25 de outubro com transmissão ao vivo pela internet.

Lembrando que a Miss Grand Brasil 2019 será eleita em concurso nacional, no dia 28 de fevereiro, no Dall´Onder Grande Hotel, em Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul.

Siga a cobertura do evento aqui no nosso portal e na conta do Miss Grand Brasil no IG: https://www.instagram.com/missgrandbrasil/ .

Boa sorte, Gabi!! O Brasil está com você!!

Fotos Alice Sulzbach / Produção Andrisa Fregapani